terça-feira, 1 de julho de 2008

Do Eu para o Vós nasce o Nós.

E nascendo o Nós, todos fiquemos a conhecer a breve novela que passo a narrar.

Um grupo de 3 raparigas quase que caminha na minha direcção, sentando-se ao meu lado. Raparigas talvez de 11,12 anos. Momentos depois, aproxima-se um outro grupo de raparigas e de um rapazito, com as raparigas a rirem-se e o rapaz com um ar profundamente tímido. Cá vai o diálogo:
- Ele diz que não é virgem. Ah ah ah [diz a rapariga que comanda as hostes, quase inebriada por poder contar tal às restantes. Convém explicar a fisionomia do rapazote: cabelo loiro aos caracóis, ar quase angelical, daqueles que quase temos a certeza que em casamentos e baptizados é vestido de marinheiro pelos pais. As raparigas riem-se todas. Algumas, mais tímidas, apenas esboçam um sorriso, não podendo ficar atrás das restantes]
Aí, a jovem comandante revela quase em surdina ao rapaz:
- Virgem é que nunca praticaste sexo...
O jovem, agora tudo percebendo, responde com o ar mais cândido do mundo:
- Ah...então eu não sou virgem.
E, pouco depois, acrescenta,
- Sou sagitário.
Aí, a jovem comandante, findos breves segundos, e temendo a deserção das tropas, volta ao ataque:
- Devias era ser balança, por isso é que és assim redondo! ahahah!
Volta a suceder um riso colectivo, a várias vozes e inensidades. Uma outra rapariga acrescenta...
- ai, vocês deviam era namorar...

A Universidade Júnior: esse belo mosaico onde o amor, a amizade, a vida e o conhecimento se cruzam...

14 comentários:

tiago ramalho disse...

perdoem-me a indelicadeza:

bom dia julho.

manuel disse...

Tiago Ramalho, o próximo poeta do direito. :)

Anónimo disse...

O Tiago é virgem.

Pedro Ary Ferreira da Cunha disse...

Eu gostaria de corrigir o anónimo: o Tiago é sagitário...

Guilherme Silva disse...

Eu sou virgem.

Anónimo disse...

Lamento...

manuel disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Daniela disse...

esta conversa é lindíssima. lindos 13 anos em que quando nos perguntavam "és virgem", respondíamos sempre com a piada "não, sou capricórnio". sinto saudades desses tempos. xD

Francisco disse...

Eu serei virgem. Um dia.

tiago ramalho disse...

http://sociedadededebates.blogspot.com/2008/06/carta-aberta-ao-annimo.html

Anónimo, escrevi este texto para ti. Já há muito não te encontrava mas, pensando que ainda aqui vais voltar para percepcionares os feedbacks dos teus comentários, agora tenho uma réstia de esperança. Lê, vá.

Eu mantenho um braço sobre o teu ombro e ajudo-te a ultrapassar o momento.

Guilherme Silva disse...

Ary diz-me lá, os comentarios apagados o que são? Comentarios repetidos, comentarios insultuosos às nossas pessoas, comentarios insultuosos a essa grande instituição o SLBenfica? Conta-me lá...

Pedro Ary Ferreira da Cunha disse...

Os comentários apagados são textos que o autor ou um dos administradores eliminam e não é possível saber o que diziam.

MJ disse...

Os comentários apagados podem ocorrer, por exemplo, quando pessoas como eu, zelosas como são da grande língua portuguesa, verificam depois de escreverem e publicarem, que o comentário tem um erro. Então, apagam-no e voltam a publicar. :p

Pedro Ary Ferreira da Cunha disse...

Mas não voltaste a publicar.

Enviar um comentário